segunda-feira, 2 de maio de 2011

O que é vegan... Porque sou vegan...

Veganismo, uma questão de consciência 

Ainda hoje, surpreendo-me com o espanto que muitas pessoas demonstram quando declaro ser vegan (uma classe de vegetarianos que não consome produtos ou alimentos de origem animal). Tenho a impressão de que pensam estar lidando com uma extraterrestre, até me questionam como vivo sem comer carne! Na verdade, penso que eu é quem deveria estar questionando em como podem comer cadáveres? Mas não o faço, até porque sei que os questionamentos são oriundos da má informação e falta de conscientização que levam ao terrível conceito de que “não podemos viver” sem comer a carne, consumo tão incentivado nas prateleiras dos açougues, dos supermercados e pela mídia. 

Confesso que ao me tornar vegan, de início, achei muito trabalhoso ficar lendo os rótulos dos produtos nos mercados para selecionar os produtos que não tivessem ingredientes de origem animal. Mas movida pela determinação de não ser cúmplice dos assassinatos cruéis com os animais e de não contaminar mais meu organismo com os diversos venenos embutidos nos alimentos de origem animal, segui em frente.

Milhares de pessoas, mundo afora, já aboliram a carne de seus pratos após tomarem conhecimento dos poderosos venenos utilizados na criação de gados e afins, e com isso,estão preservando a saúde de si próprias e a do planeta, já que aos poucos, a conscientização de que a pecuária é uma das maiores culpadas pela degradação do meio ambiente e de que será no futuro próximo a grande causadora da falta de água potável também, vai tomando vulto, finalmente. Inclusive, já foi constatado, tecnicamente, que o desmatamento de áreas imensas para o cultivo de grãos para o gado e para seu pasto poderiam muito bem serem utilizadas para o cultivo de alimentos para matar a fome das crianças famintas do planeta!

Infelizmente, não se faz um trabalho de esclarecimento para a população que ainda pensa que só a carne é capaz de torná-la saudável, ledo engano, é justamente o contrário! Várias doenças graves estão ligadas diretamente ao consumo da carne! É preciso que a grande população saiba que os vegetais, as leguminosas, os cereais e as frutas são os maiores responsáveis por uma saúde equilibrada e onde podemos encontrar em abundância os elementos principais para uma vida sadia, pois proteínas, carboidratos, lipídios, vitaminas, sais-minerais, fibras e muito mais são encontradas fora da carne. Os alimentos derivados do trigo, como, por exemplo: o pão e o macarrão são fontes de proteínas, carboidratos, vitaminas, ferro, zinco, além das fibras vegetais. Diria: bom, bonito e barato!

Se observarmos o porte dos bois, dos elefantes e dos cavalos veremos que não é a carne que os faz tão majestosos. Todos são vegetarianos! Se você quer adquirir proteína, consuma, além dos alimentos citados acima, o grão de bico, o arroz, o feijão, a soja, o amendoim, o brócolis, a batata, o pão, o espinafre, as leguminosas, aveia etc. As proteínas existem em fartura na natureza! Não é necessário ser conivente com a morte de outros seres vivos para continuar vivendo. Se todos tivessem a chance de ver como esses animais vivem e são abatidos, tenho a certeza de que a visão de suas tripas ensanguentadas e de seus gritos de dor, enquanto pendurados, retalhados e queimados fariam o ser humano abolir definitivamente a morte de seus pratos!

Hoje, quase 9 anos após a minha determinação de não viver à custa do sofrimento de outros seres, sento à mesa com muita satisfação, pois ser vegan, para mim, é uma questão de solidariedade ao próximo - homem ou animal. É uma questão de respeito às gerações futuras, é contribuir para a erradicação da fome no planeta, é proteger o meio ambiente e, sobretudo, livrar os animais das barbaridades que lhes são impostas em nome da ganância e da insensatez humana!

 RELATOS DE FISCAIS E INVESTIGADORES DE MATADOUROS:

Funcionários enfiam cabos de vassouras nos ânus dos animais;

Arrancam e furam com golpes os olhos dos mais rebeldes;

Espancam os animais até a morte;

Arrancam as peles de bois ainda vivos;

Cortam os pés,orelhas e mamas das vacas que ainda estão conscientes depois que as pistolas de atordoamento falharam;

Fazem imersão dos porcos ainda vivos nos tanques de escaldamento;

Galinhas, perus, patos e gansos são colocados nos tanques escaldantes ainda vivos, etc.

Infelizmente, sou obrigada a admitir que não existe infelicidade maior que nascer animal neste planeta enquanto sob o jugo dos humanos!

Fontes:

http:www.maeterra.com.br

http://www.vegetarianismo.com.br/artigos/proteinadietavegan.html

http://www.abritrigo.com.br/nutricao.asp

http://www.portalbrasil.net/educacao_seresvivos_vegetais.html

http://www.pea.org.br

Sugestão:

http://video.google.com/videoplay?docid=195777870900147944

Por: Fátima Borges – professora de Português e Teatro Infantil, Artista Plástica, Poetisa, Colunista e Vice-presidente da Ong. DAAJ - Defesa Animal e Ambiental com Apoio Jurídico

É fácil ser vegan!

Pode levar algum tempo para se acostumar com as mudanças da dieta vegan, explorar novos alimentos e desenvolver sua rotina. Felizmente, hoje em dia há abundância de opções vegans prontas no mercado: várias marcas de leite vegetal fortificado, pratos prontos congelados ou enlatados, hamburgers, salsichas, linguiças, almôndegas, margarinas, queijos, patês, maioneses, salgadinhos de pacote, irresistíveis sobremesas como chocolates, sorvetes, chantilis, creme de leite de soja, doce de leite, iogurtes, biscoitos, você escolhe!

Com as substituições adequadas, você descobre que ainda pode desfrutar de suas refeições favoritas: adaptar receitas de família torna-se fácil com a proteína de soja e o glúten, feitos em casa ou comprados prontos. Explore sites de receitas vegans na internet, utilize essa preciosa ferramenta e aproveite para fazer novas amizades e abrir seus horizontes.

  
Há muitas coisas que podemos fazer para tornar o mundo um lugar melhor, e com certeza o veganismo é a maneira mais maravilhosa para contribuir várias vezes ao dia. Não se trata de perfeição ou tentar ser melhor do que os outros, e sim o melhor que podemos ser em nós mesmos, reduzindo ao máximo possível o sofrimento animal. O boicote às indústrias ou a qualquer comércio que explore o sofrimento animal é uma escolha inteligente, associado ao ato de levar essa informação adiante. 
Fazer escolhas é a afirmação definitiva da nossa humanidade, enquanto nessa condição devemos utilizá-la, lembrando que para os animais só importam as coisas que fazemos.  
Seja vegan hoje! http://veganismo-brasil-receitas-vegans.blogspot.com/ http://brincandodequebracabeca.com/

Campanha nacional permanente - “Fecha canil do CCZ - Tortura nunca mais” Eu aderi. (cole o slogan/link no email, blog, seja criativo)

17 comentários:

Blog Esperança Animal disse...

olha eu tb nao como carne, faz 15 anos, mas uma coisa eu nao entendi, vc nao come nada relacionado animal ?

tipo, nem leite, ovo ? por exemplo, uma massa de bolo leva ovo, vc tb nao come bolo ?

só curiosidade ... bjs

Anônimo disse...

OLá!
Ser vegan é muito fácil, existem sites veganos que ensinam a fazer bolos sem leite de vaca, com o de soja e sem ovos.
Eu realmente não como, não visto e não me utilizo de nada que tenha vindo de animais.
No site PEA - Projeto Esperança Animal, tem listagem de produtos completamente veganos, vai da limpeza ao alimento, dá um pulinho até lá!
RECEITA DE BOLO VEGAN:
SITE: http://www.vegvida.com.br/modules/recette/article.php?storyid=37
NESTE SITE, VOCÊ PODERÁ ENCONTRAR INÚMERAS RECEITAS DE BOLOS VEGANS, O DE FUBÁ COM PEDACINHOS DE GOIABADA FICA MUITO BOM!
EXPERIMENTE.
Beijo grande,
Fátima Borges

Anônimo disse...

PAVÊ DE AMENDOIM TORRADINHO:
1 LATA DE LEITE CONDENSADO DE SOJA
1 PACOTE DE AMENDOIM NATURAL
4 COLHERES DE SOPA BEM CHEIAS DE CREME VEGETAL
2 PACOTES DE BISCOITO TIPO MAIZENA ( UTILIZAR MARCA QUE NÃO TENHA INGREDIENTE ANIMAL, OLHE NO RÓTULO)
Torrar o amendoim numa frigideira, sem gordura, como se fazia o cajuzinho de festinhas, lembra?
Depois de torradinho, esfregar a casca para que saia todinha, sai bem fácil.
Bater bem o amendoim no liquidificador, colocar o leite condensado e a gordura vegetal, bater bem para formar uma mistura homogênea.
Molhar o biscoito no leite de soja, apertar para sair o escesso e ir montando o pavê.
Uma camada de biscoito, outra de crme de amendoim e por aí vai até terminar.
Colocar na geladeira e depois servir.
Não vai ao fogo.
É UMA DELÍCIA!!!!
Beijo grande,
Fátima Borges

Anônimo disse...

Corrigindo:
excesso e nnão escesso, desculpe o erro, foi digitação.
Beijão,
FB

Anônimo disse...

A matéria é maravilhosa, obrigado!
Vou aproveitar e copiar a receita, parece muito boa.
Parabéns
Juliana

Anônimo disse...

Belíssima matéria!!! Informativa e esclarecedora!!! Todos deveriam ser veganos!!! Um dia muito breve, com certeza!!! Parabéns por ser vegana, Fátima Borges, Parabéns!!!
Maria José (Nia)

Anônimo disse...

Parabéns pela matéria esclarecedora!

Anônimo disse...

Olá.. eu não vou vegan (ainda) mas estou deixando de consumir carne, justamente por pena dos animais. Infelizmente sou intolerante á soja. Então ainda não posso trocar o leite de vaca por este. Nem sei se existem outros tipos de leite e de substitutos que não sejam os de soja. Até gostaria de me informar mais sobre isso. Gostei muito desse texto.
Um beijo no coração e tudo de bom.

http://juliana-editions.webnode.com

Amigadosanimais disse...

Eu não como carne.
.mas, não conheço muitas receitas, de soja, tofu, seitã etc.
Podia me dar algumas dicas!
obrigada.

José Franson disse...

Olá amiga dos animais... Digite na busca do google Receitas vegan... irá encontrar muitos links com ótimas receitas.. Bom apetite..

Anônimo disse...

Leite de aveia,leite de amendoas,de côco,de alpiste,etc

Camila Ferraz disse...

Sou vegetariano, não consumo leite, mas ovos sim (caipira). Gostaria de saber qual malefício que o consumo de ovo poderia causar as galinhas caipiras que vivem livremente em sítios.

José Franson disse...

Olá amiga Camila, a questão que vc. coloca, penso eu, é conceitual e muito particular... Sem querer finalizar o assunto, pondero que se deve analisar, se estamos preocupados com proteger os animais, o que será feito com as galinhas caipiras de quem usamos os ovos... serão mortas para alimentação??? Todos os ovos 'caipiras' comercializados provem de galinhas que serão mortas... Agora se você tem em sua companhia uma galinha que irá morrer apenas pela idade, então temos um bom assunto para debater... Vamos que vamos..

Samuel disse...

Só tem um errinho na matéria, e ele está nessa frase: "Milhares de pessoas, mundo afora, já aboliram a carne de seus pratos...".
Na verdade são MILHÕES, MUITOS milhões, apesar de ainda ser uma porcentagem muito pequena da população.

BETAMPEX disse...

Nao é bem assim do jeito que voces falam, pode até existir alguns casos como os relacionados, mas o ser humano é um animal CARNIVORO e isso nao vai mudar nunca, ser Vegan como voces falam nao ira acontecer nunca no mundo, e sou protetor dos animais e amo eles de paixao, mas precisamos da carne para viver, como do boi, frango, peixe e porcos, sou contra o consumo de outros animais considerados silvestres e contra sistemas como a produçao de carne de vitela, foi grass, cozinhamento de animais vivos como a lagosta e tudo que inflinge sofrimento ao animal, eu ja topei com muitos mas muitos vegans como voces se auto proclamam mas pedi para tirarem a carteira do bolso, todos com carteira de couro, olhei para baixo alguns com sapatos de couro, mulheres com bolsa de couro, entao nao me venham com falsos moralismos, acreditem muitos médicos nao gostam de operar vegans devido que muitos tem problema de coagulaçao sanguinea e sabem porque? devido que nao ingerem comida de origem animal e correm risco de morte em alguma operaçao cirurgica, entao meus caros a coisa é bem mais extensa do que imaginamos e cá entre nós comer soja é o fim da picada, tem um gosto horrivel.

thales disse...

quem ama animais Come vegetais

Ivana Maria Negri disse...

Nunca vi tanta bobagem num comentário só, do senhor Betampex ( fora os erros de português...)Veganos não só não comem cadáveres como também não usam couro, nem peles, nem penas, não utilizam produtos testados em animais.
Uma grande bobagem dizer que quem não come carne os médicos não fazem cirurgias... Eu não como carne há mais de 35 anos e minha saúde é ótima. E vegetariano não precisa necessariamente consumir soja, existe uma infinidade de alimentos saudáveis: legumes, verduras, cereais, frutas, grãos. Carne só traz malefícios à saúde, colesterol e predisposição a cânceres diversos.
O que um pedaço de cadáver em decomposição pode trazer de bom à saúde?...